Tratamentos não medicamentosos (Procedimentos)1

atrial fibrillation procedures

Se a medicação não obtiver sucesso, o seu médico poderá discutir opções de tratamento alternativas.

  • A ablação com cateter bloqueia partes da via elétrica anormal no seu coração que estão causando a sua arritmia. Ela utiliza uma diversidade de sistemas de imagem e monitoramento, que transportam fios flexíveis (cateteres) para dentro do seu coração através de uma artéria ou veia. Uma vez posicionado(s) dentro do seu coração, o(s) cateter(es) é(são) utilizado(s) para identificar a fonte dos sinais elétricos anormais, e quando posicionado(s), o(s) cateter(es) administra(m) disparos de ondas de alta energia (radiofrequência), que eliminam as áreas anormais. Para muitos pacientes, esse procedimento é uma solução permanente para a FA.
  • A cardioversão elétrica utiliza uma corrente elétrica por meio de pás no seu tórax para restaurar o ritmo cardíaco normal do seu coração. A interrupção por segundos do seu ritmo cardíaco possibilita que o seu coração reassuma o controle e restaure o seu batimento cardíaco normal. Entretanto, essa nem sempre é uma cura permanente para a fibrilação atrial.

Existem diversas terapias utilizadas anteriormente para tratar a FA que deixaram de ser recomendadas ou que são recomendadas apenas em determinados tipos de pacientes com condições mais complexas.1,2,3

  • Desfibriladores cardioversores implantáveis (ICDs) não são indicados para o controle do ritmo da FA.
  • Marca-passos são recomendados apenas para o uso em pacientes com síndrome do seio doente e/ou bradicardia.

 

 

Referências​​​​​​

1. Kirchhof P, Benussi S, Kotecha D, Ahlsson A, Atar D et al. (2016) 2016 ESC Guidelines for the management of atrial fibrillation developed in collaboration with EACTS. Eur Heart J 37 (38): 2893-2962. 2. January CT, et al. (2014) 2014 AHA/ACC/HRS guideline for the management of patients with atrial fibrillation: a report of the American College of Cardiology/American Heart Association Task Force on practice guidelines and the Heart Rhythm Society. Circulation. 2014 Dec 2;130(23):e199-267. doi: 10.1161/CIR.0000000000000041. Epub 2014 Mar 28. 3. January CT, et al. (2019) 2019 AHA/ACC/HRS Focused Update of the 2014 AHA/ACC/HRS Guideline for the Management of Patients With  Atrial Fibrillation. J Am Coll Cardiol. 2019 Jul 9;74(1):104-132. doi: 10.1016/j.jacc.2019.01.011. Epub 2019 Jan 28.

Aviso Legal: As informações apresentadas aqui não se destina como aconselhamento médico, ou para ser usada para o diagnóstico médico ou tratamento. Por favor, fale com seu médico se você tiver alguma dúvida.

117510-190627